segunda-feira, 3 de julho de 2017

Greve Geral de lutas e mobilizações em Fortaleza

A segunda Greve Geral em Fortaleza caracterizou-se pela unidade de centrais sindicais, Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo, diversos sindicatos de trabalhadores, movimentos sociais e partidos de esquerda desde as primeiras horas do dia 30/06. O PCML e CLCN participaram ativamente das mobilizações, contribuindo com a palavra de ordem “Anular o Impeachment e Derrotar o Golpe”.

O ato central concentrou-se na Praça Clóvis Beviláqua e saiu em caminhada pelas ruas do centro da cidade até a Praça do Ferreira. A segunda Greve Geral seguiu por 48 horas na denuncia do caráter anti-povo das reformas neoliberais. Durante todo o ato central, militantes marxistas-leninistas estiveram dialogando com a população sobre as pautas revolucionárias trazidas pelo jornal Inverta.

Somente a entrada decisiva dos trabalhadores na resistência contra a restauração neoliberal é que será capaz de alterar definitivamente a correlação de forças a favor das forças progressistas.

CLCN na comunidade Vila União

Em 01/07, sábado, o CLCN esteve presente no bairro Vila União, em mais uma roda de conversa com a comunidade. A partir da leitura do texto “Exploração capitalista”, de Marta Hannecker e Gabriela Uribe, estudantes e trabalhadores debateram as mazelas do capitalismo em confrontação com a conjuntura de restauração neoliberal.

Ora, a tese central do neoliberalismo é que o setor público é o responsável pela crise, pelos privilégios e pela ineficiência econômica, configurando-se em feroz ataque aos trabalhadores, ameaçando conquistas sociais alcançadas através de anos de lutas. O neoliberalismo é a implantação do capitalismo selvagem e por isso mesmo viável somente com o uso da força.

Participar intensamente da Greve Geral é a tarefa do Partido e seus movimentos, pois esse processo é importante momento de inflexão na luta do povo brasileiro contra o golpe neoliberal.

Por uma Greve Geral de Massas!

Greve Geral para Anular o Impeachment e Derrotar o Golpe!

Sucursal CE

FONTE: Jornal Inverta
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário